terça-feira, 29 de outubro de 2013

correspondência

para Monika
Desde o Ribeirão do Meio, no encontro do Tâmisa com o Tietê
Um postal como que aponta: a vida continua após a morte… 
Raiz, ruir, Ruiz
Pralém mar, amar é terno (entre gerações)

Nenhum comentário: