terça-feira, 6 de março de 2007

da lucidez

O rei riu daquilo e disse ao louco:
- Se eu te der a rainha, que quererás fazer com ela? Para onde a levarás?
- Lá para cima, entre o céu e a nuvem, para minha bela casa de vidro. O sol atravessa-a com seus raios, os ventos não a podem abalar; para lá levarei a rainha, para um quarto de cristal, todo florido com rosas, todo luminoso de manhã, quando o sol bate nele.

Joseph Bédier, O romance de Tristão e Isolda

Um comentário:

rosa disse...

a rosa, as rosas...