segunda-feira, 12 de fevereiro de 2007

pecados íntimos, -2

se necessário, o inquestionável violino.
as sincronicidades de volta, no sempre.

Um comentário:

o maestro disse...

em dó maior.